All4Wine

Notícias, novidades e fornecedores do mundo do vinho

Notícias, novidades e fornecedores do mundo do vinho

The Macallan apresenta guia definitivo sobre copos de whisky

Foto: Site The Macallan

Gianpaolo Morselli, Brand Ambassador da marca no Brasil, compartilha sugestões para aprimorar experiência de degustação

Dentro das páginas da história, observamos como as diversas culturas e regiões desenvolveram o seu próprio jeito de vivenciar o whisky, e os copos não são exceção. Do majestoso castelo de Edimburgo às vibrantes ruas de Tóquio, cada local trouxe detalhes únicos ao mundo da mixologia, levando à a pergunta: qual é a verdadeira essência por trás de cada copo de whisky?

Muito além de ser um simples recipiente, os copos de whisky são cálices pensados em realçar a nossa experiência olfativa e gustativa. A sua forma meticulosa não é apenas um capricho estético, mas é intencionalmente moldada para que, ao tomar um gole, os aromas fluam precisamente para a borda, permitindo ao nariz captar todas aquelas nuances e notas que fazem do whisky single malt uma bebida de renome mundial”, explica Gianpaolo Morselli, The Macallan Brand Ambassador no Brasil.

Escolher o copo certo transforma a degustação de whisky em uma experiência sublime, e existem vários estilos que se ajustam às preferências de qualquer amante do destilado. Do célebre copo Glencairn, compacto e elegante, passando pelo Old Fashioned, até o copo distinto que lembra as adegas das antigas destilarias escocesas. Cada um tem o seu propósito e, logicamente, seu momento. Abaixo, o guia definitivo assinado pelo especialista.

 

GLENCAIRN

Este copo compacto é o favorito de muitos experts e fãs do whisky. Seu desenho estreito na parte superior permite que os aromas se concentrem, fazendo apreciar melhor as complexas notas do whisky. Sua base larga permite ver a cor e a textura do líquido com clareza. A forma está inspirada nos tradicionais copinhos de whisky escocês utilizados pelas destilarias e os laboratórios para elaborar a bebida. Sua forma acanalada permite que o copo retenha os delicados aromas, concentrando-os e, em última instância, mudando a experiência geral do whisky. O desenho do Glencairn foi resultado da colaboração entre Raymond Davidson e os mestres destiladores de cinco destilarias da região de Speyside na Escócia. O objetivo principal era criar um copo que pudesse otimizar a experiência de degustação do whisky, tanto em sabor, quanto em aroma.

 

TUMBLER

Também conhecido como copo “‘old fashioned”, “lowball” ou “rocks”, pode ser considerado como o copo icônico de whisky. Com capacidade entre 113,6 mL e 284,0 mL, tem o fundo ligeiramente cônico com vidro grosso, para garantir uma bebida estável e permitir misturar os ingredientes do coquetel. É mais curto que o highball, sendo ideal para bebidas destiladas, já que mantém o líquido perto do nariz. É possível saborear whisky single malt e bourbon, puro ou com gelo, em um copo limpo. Seu desenho amplo permite que os aromas se dissipem, oferecendo uma experiência mais suave. Este copo tem estado presente desde há séculos, sua associação com o whisky solidificou-se no século XIX e inícios do século XX, especialmente na América do Norte. Foi durante esse tempo que o whisky começou a ser mais consumido com gelo, o que levou a uma crescente demanda de um copo mais largo e robusto, capaz de acomodar os cubos de gelo e resistir ao uso constante.

 

SNIFTER

Mais conhecido como copo de conhaque, de brandy, conhaqueiro ou balão, é um tipo de copo cujo cálice tem base larga e abertura relativamente estreita, e sua haste é curta. Este copo é ideal para os whiskies com um perfil de sabor intenso. Seu desenho permite que os líquidos sejam agitados facilmente, o que por sua vez libera seus aromas característicos. Ao estreitar-se na parte superior, os aromas ficam presos e concentrados, permitindo uma experiência olfativa mais intensa quando se aproxima para tomar um gole. Este copo é perfeito se quiser experimentar como as mudanças sutis de calor afetam os aromas e sabores do whisky.

 

THE TULIP

Este copo leva o nome em razão da sua semelhança com a flor da tulipa. Com um desenho similar ao Glencairn, porém mais estilizado e elegante, tem a haste que permite segurá-lo sem aquecer o líquido com as mãos. Possui uma base redonda que se estreita pelo centro e logo se expande ligeiramente antes de tornar a se estreitar perto da boca. Seu formato estreito na parte superior também concentra os aromas, o que a torna perfeita para degustações. Para aqueles que desejem apreciar as verdadeiras notas e profundidades do whisky single malt, o também chamado “Copinho” é o recipiente preferido. Suas raízes se encontram profundamente nas adegas de Jerez, na Espanha, já que o copo de haste fina se utiliza tradicionalmente para degustar o vinho. The Tulip é uma opção versátil para os apreciadores de whisky que apreciam uma experiência refinada. É especialmente útil para whiskies com um perfil aromático mais delicado ou complexo, já que permite que os aromas se apresentem de modo mais claro e sem interferências.

 

HIGHBALL

Este é o copo clássico que provavelmente já foi visto nos bares e filmes. É versátil e adequado para uma ampla variedade de whiskies. O desenho do copo Highball é bem simples e direto: é um copo reto, geralmente sem curvas, e tem uma capacidade que oscila entre 240 e 350 mL. Sua altura é justamente o que permite misturar uma bebida com gelo e, às vezes, outros ingredientes sem que a bebida fique muito concentrada. É especialmente bom para aqueles que apreciam whisky com misturadores, como soda ou limonada – combinação perfeita para uma tarde de verão.

Sobre The Macallan

Fundada em 1824, The Macallan é conhecida no mundo todo por seus extraordinários single malts. Sua excelente qualidade e caráter distinto revelam a excelência sem paralelos buscada pela The Macallan desde sua fundação por Alexander Reid, em um planalto acima do rio Spey, no nordeste da Escócia.

Em 2018, The Macallan escreveu um novo capítulo em sua história com o lançamento de sua premiada destilaria nas Terras Altas da Escócia. Com design de arquitetos de renome internacional para promover a sustentabilidade, o edifício é inspirado nas antigas colinas escocesas circundantes. Localizado perto da Easter Elchies House, está o Highland Manor construído em 1700, que é o lar espiritual símbolo de The Macallan e continua sendo o coração da bela propriedade de 485 acres de The Macallan.

Divulgação: Andressa Vilela - Another Comunicação

Utilizamos cookies em nosso site seguindo os Termos Gerais de Uso e Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.